Translate

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

O QUE HOUVE CONOSCO?

Então disse o sumo sacerdote Hilquias ao escrivão Safã: Achei o livro da lei na casa do SENHOR. E Hilquias deu o livro a Safã, e ele o leu.
Então o escrivão Safã veio ter com o rei e, dando-lhe conta, disse: Teus servos ajuntaram o dinheiro que se achou na casa, e o entregaram na mão dos que têm cargo da obra, que estão encarregados da casa do SENHOR.
Também Safã, o escrivão, fez saber ao rei, dizendo: O sacerdote Hilquias me deu um livro. E Safã o leu diante do rei.
Sucedeu, pois, que, ouvindo o rei as palavras do livro da lei, rasgou as suas vestes. " 2 Reis 22:8-11

O QUE HOUVE CONOSCO?


A história acima retrata a crise moral, espiritual e de conhecimento a respeito de Deus que se encontrava Israel.

O que gerou Idolatria, prostituição, sacrifícios de crianças ao deus Moloque, Sacerdócios Falidos! Altares erguidos a Baal (deus da fertilidade como não dizer prosperidade)

Qual foi a causa de tal declínio?

O distanciamento da palavra! Pois O LIVRO da Lei estava perdido. Pasmem! Estava perdido dentro da casa do Senhor!

Tudo começou pela negligencias dos reis no que diz respeito as ordenanças de Deus para eles e a Israel e Judá.

Quando nos afastamos da palavra de Deus corremos o sérios risco de cometermos todo o tipo de heresias.

Adotamos qualquer modismo que agrade o nossos desejos ou cocem nossos ouvidos com coisas boas!

Sem a palavra de Deus não há o que confrontar a luz da bíblia.

Aderimos a tudo que tenha ar de "sagrado ou espiritual"

Fala de Deus? Clama pelo Espirito Santo? Evoca anjos? Tem frases aleatória da bíblia?

Então não há com que se preocupar!!

Os fins justificam os meios? Pois é isso que está acontecendo com nosso povo! Se o fim é Deus o resto não importa?

Eles não se importam mas com o que é incluídos em sua liturgia!
Desde que que tenham alguns "mistérios" o resto é balela.

Desde que fale em nome do senhor!! Cuidado! "Nem todos que me diz Senhor! Senhor!" Mt.7.21


Bem profetizou Oseias acerca deste povo:

"O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos." 4.6


Nos distanciamos de nossas raízes!


A maioria dos pastores e preletores deste tempo presente foram forjados por uma nova teologia que agride profundamente o evangelho pregado por Cristo e seus apóstolos.


Eles se quer conhecem o Evangelho, não conhecem as doutrinas fundamentais do Cristianismo.

Doutrinas geradas a 25, 30 e outras até de 1915 tomou conta da nossa cultura e algumas delas caíram muito bem nesta nação tal como a doutrina prosperidade que teve como seus proponentes Bennyn Hinn, Peter Wagner e outros.


Muitos pregadores não dominam nada sobre regeneração ou novo nascimento, santificação, arrependimento.

Resumem tudo a 4 ou 5 leis espirituais aprendidas em sua "escolas" que não produz pensadores mas repetidores! E muitos deles falam o que sabem sem saber o que dizem!

Raridade em nosso tempo encontrar homens como: Paulo, Pedro, Tiago, Micaías, Elias, João o Batista, Wesley, Spurgeon, Savonarola, Wilkerson, Ravenhill, Washer, Lutero, Calvino e muitos outros.

Muitos desta geração de pastores e preletores de hoje se quer sabem o que realmente é o poder de Deus para a salvação dos homens.


Uma geração sem identidade Cristã, pois o cristianismo jamais será amigo deste mundo.


Uma geração que em nada lembra a Cristo ou os pais da igreja.


Lembre-se que em Antioquia foram os discípulos pela primeira vez CHAMADOS de CRISTÃOS. At.11.26. Eles não se autodenominaram, eles foram chamados! Por que? Porque pareciam com Cristo, pregavam como Cristo, ceavam como Cristo, falavam como Cristo enfim pareciam com Cristo.


Onde estão as lideranças da reforma deste tempo.

Onde estão os sacerdotes que devolverão a bíblia o seu lugar no templo?

Onde estão os reis deste tempo que expurgarão os exageros teológicos de nossas sofridas igrejas.

O que estamos preparando para a próxima geração?

Nossas crianças estão sendo oferecidas ao deus Moloque (televisão, internet)

Nossos cultos são antropocêntricos (Curas, prosperidades, cultos dos empresários, culto dos casais, cultos disto e daquilo), quando a bíblia ensina que o culto é a Deus e não aos homens e nossas vidas devem ser oferecidas a Ele em todo tempo principalmente nos cultos.

"Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. " Romanos 12:1


Quanto a mim.."E dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me."Lc.9.23


"Ora, ia com ele uma grande multidão; e, voltando-se, disse-lhe:

Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo.

E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo. " Lucas 14:25-27


Jesus não nos encoraja a pedir por esta vida mas sim pela eterna!


"Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? "

Mateus 6:25


O culto está muito egocêntrico, muito amante de si mesmo!!


Acordemos e voltemos para a palavra!


PASTORES!! DEIXE A IGREJA SER IGREJA, MAIS DO QUE ISSO DEIXA JESUS SER JESUS DA IGREJA!

2 comentários:

  1. Sensacional Pastor! Que Deus continue abençoando sua Vida.
    Deixa eu perguntar algo ao senhor.
    Eu já vi alguns pregadores falarem sobre a necessidade de uma urgente reforma na igreja evangélica brasileira. O que o senhor acha sobre isso? A igreja precisa de alguma reforma ou reformadores...lógico que não excluindo a soberania de Deus sobre todas as coisas. Paulo Junior disse uma vez: Nós mudamos ou Deus permiti que se levante uma grande perseguição contra a igreja ou então estaremos perdidos....então é necessário uma reforma? O que ela alcançaria? Obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Não acho que a resposta esteja numa nova reforma e sim numa atitude mais objetiva da igreja quanto a este pragmatismo infernal. A questão do sincretismo religioso já foi tratada uma vez e desde o tempo dos israelitas (que só foram curados com o cativeiro) a situação se repete. Concordo com Paulo Junior em grau a igreja no Brasil precisa sentir o calor de uma perseguição para se posicionar contra estas heresias e expurgar do seus púlpitos estes fanfarrões da fé. Mercadores da fé cristã.

    ResponderExcluir

Meus blogs prediletos

Loading...