Translate

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Prefiro as pedras do que o flash das máquinas.

"Quando ministrava nos lugares mais difíceis as pessoas me atiravam pedras, hoje às pessoas me procuram querendo tirar fotos." Paul Washer

Confesso que tenho mais medo das câmeras do que das pedras. Pois uma me esconde de mim mesmo e outra me exibe, me expõe a vaidade. Uma me faz entender o valor da fé, e a outra me faz entronizar na centralidade humana.
As pedras me fazem entender o que é ser um seguidor de Cristo. As câmeras me faz conhecer o que é ser um aproveitador de Cristo.
As pedras me levam ao avivamento as câmeras ao entretenimento. As pedras Ele é Rei as câmeras eu sou o centro.
Temo os aplausos quando termino de pregar, os tapinhas nas costas quando saio de uma batalha no púlpito de uma igreja.
Temo que para tudo eu sinta a necessidade do brilho da luz de uma câmera, e não me importe de não mais possuir o brilho do Espírito em minha vida.


Corramos das câmeras e busquemos as pedras.

Pr. Neemias Fagundes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meus blogs prediletos

Loading...