Translate

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Assumir o arado é como pular de paraquedas. NÃO TEM COMO VOLTAR A TRÁS.

“E, andando junto do mar da Galiléia, viu Simão, e André, seu irmão, que lançavam a rede ao mar, pois eram pescadores. E Jesus lhes disse: Vinde após mim, e eu farei que sejais pescadores de homens. E, deixando logo as suas redes, o seguiram. E, passando dali um pouco mais adiante, viu Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, que estavam no barco consertando as redes, E logo os chamou. E eles, deixando o seu pai Zebedeu no barco com os jornaleiros, foram após ele.” Marcos 1:16-20

COMPROMETIMENTO

Ontem (27/08/2014) ministramos uma palavra sobre o comprometimento total dos discípulos no momento de sua chamada. Suas vidas e propósitos foram redirecionados aos interesses de Cristo. Isso me chamou muito atenção para a maneira como o chamado a Cristo está sendo respondido em nossos dias pelos seus seguidores. Entendo que nos dias atuais estamos convivendo com uma vida assoberbada de compromissos seculares. 

Não há nos chamados seguidores de Cristo do século 21 uma entrega total a vontade de Deus. Existimos em torno de nossos interesses, não há vida profunda em Cristo. Somos superficiais em nossa vida mecanizada. Casas, carros, faculdades, casamentos, filhos, terrenos, empresas, negócios e etc têm reduzido nosso foco do eterno propósito de Deus. 

SERVIR NÃO É MAIS UM PRIVILÉGIO

Não queremos nada que nos ocupe além de nossos interesses. Ninguém poderá seguir a Cristo sem antes assumir tudo por Ele. 

“Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém.” Romanos 11:36

Em tempos de “restituição”, poucos querem pregar RENÚNCIA, afinal queima o filme do pregador, diminui sua agenda.

Está claro para mim que atitude dos discípulos em Mc.1, revela sua decisão, com Cristo é tudo ou nada, ou Ele é tudo para mim ou não é nada. Não existe meia decisão, meio convertido, meia renúncia. Ou pegamos nossa cruz e negamos a nós mesmo, ou paremos já com está brincadeira. Ontem uma irmã disse na sua oportunidade: “hoje estão dizendo: senhor eis me aqui, envia ele ali” fazendo uma referencia as palavras do profeta Isaías 6.

“Como queremos que o mundo nos leve a sério se nós não levamos Deus a sério?” Leonard Ravenhill

No livro de 1Rs 19.19-21 Elizeu é chamado por Elias para segui-lo e a atitude de Elizeu foi: matou a junta de boi que lhe pertencia, usou o aparelho que puxava o arado como lenha, fez um grande churrasco, ofereceu carne de vaca para todo o povo e saiu com o coração liberado para servir apenas aos propósitos de Deus. Jesus mesmo disse:“Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração”. Mateus 6:21

Tudo começa com uma decisão (DE+CISÃO, corte, cirurgia) e isso só é possível quando assumimos cortar tudo que possa nos impedir de manter o olhar fixo em Jesus. “E, se o teu olho te escandalizar, arranca-o, e atira-o para longe de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno.” Mateus 18:9

Nada nesta vida pode ser mais importante do que sua chamada para o Reino de Deus. Abandone seu pecado de estimação, abandone os baalins (ambição por riquezas e poderes) da vida. É hora de nos posicionarmos e decretarmos a falência das desculpas.


“E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai. Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus. Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa. E Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus.” Lucas 9:59-62
Preste muito atenção, de que adianta na vida acumular fortunas, fama, sucesso e não ser rico para com Deus. De tudo que na vida conquistou, o que te valerá isso quando a morte bater em tua porta?

Na bíblia, temos a parábola de um homem que pensou de maneira equivocada sobre a finalidade da vida:


"E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância;E arrazoava ele entre si, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos.
E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens; E direi a minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será? Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus. Lucas 12:16-21

A vida só é vida quando vivida para Deus. "Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus." 1 Co.10,31



Deus nos desperte!

Pr. Neemias Fagundes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meus blogs prediletos

Loading...