Translate

domingo, 16 de outubro de 2011

Não te conheço

Quer ser impopular?


                                      
                                                     Quer ganhar os céus e assumir o risco de perder o mundo seja um verdadeiro cristão. Precisamos voltar à palavra os hinos estão virando chavão para os cristãos substituindo a palavra em suas igrejas.
                                      Muitos determinam um clichê de um louvor como se fosse uma voz profética em detrimento a palavra de Deus fazendo dela sua palavra de efeito. Hinos que declaram que você vai ganhar sem se importar em como você é diante de Deus. Mensagens que declaram o que o público quer ouvir. Louvores e mensagens que mostram que você pode vim a Cristo fazendo deste encontro uma experiência única, onde não existe necessidade de se manter o relacionamento. Onde não existe a mensagem da renuncia, um evangelho de adaptação, de conformismo de sucesso da agenda.

                                      Um cristianismo das palavras de efeitos onde buscamos na internet, um novo chavão que possa “colar”, para recebermos os aplausos e elogios. Um cristianismo compromissado com o mundo e os seus prazeres. Um cristianismo que aplaudimos os cantores e pregadores enaltecendo os mesmos. Entretanto isto funciona apenas como um termômetro, para avaliarem o seu sucesso. E o pecado continua comendo solto nas igrejas.
                                      Desculpe se pareço indelicado. Mas "o melhor amigo é aquele que te diz as maiores verdades." Estamos cheios de "não me toque" não aceitamos repreensões, criamos uma super proteção em nossos púlpitos como se fossemos donos da verdade.
                                      Muitos pastores e lideres precisam rever sua fé, pois a mesma se afastou da simplicidade que ha em Cristo. Grandes homens na bíblia se corromperam e no nosso século também. Evitamos certos assuntos por que queremos nos manter amigos da igreja. Como podemos ser amigos da igreja sem ser amigo de Deus. "Vós sereis meus amigos se fizerem o que eu vos mando" É o que Ele disse. Quem quer ser amigo do mundo (pecado) constitui-se inimigo de Deus. 1Jo.2.15.
                                      E como disse o pregador Paul:"todos pregam a porta é estreita" Mas por que não pregam que o caminho também é?
                          Não é só o encontro com Cristo importante, mas o relacionamento com ele. Será que alguém terá coragem de passar adiante uma mensagem dessas? Hum! Não sei! Pois isso pode queimar o filme das pessoas, porém não me importo. Tenho compromisso com a verdade e peço a Deus sua infinita misericórdia para defendê-la até que ele venha.
                                      O mal dos profetas (pregadores) de hoje é que eles querem falar o que você quer ouvir, ou seja, "eles não querem estragar a festa." Todas as vezes que vamos aos cultos queremos sair dali sorrindo, quando as vezes Deus desejaria que saíssemos dali chorando, batendo no peito rasgando não só as nossas vestes mas também os nossos corações. Mas como farão se não há quem pregue, e como isso acontecerá se ninguém se dispõe a ir.
                                      Estamos preocupados com o que os outros vão pensar. Estamos cheios de adúlteros, pedófilos, hipócritas, arrogantes, lobos vestidos de ovelhas, corruptos, fornicários, murmuradores e etc., no nosso meio e os tratamos como homens justos, temos medo de pregar a verdade que liberta. Jesus disse: "o mundo vai vos odiar.”

                                     Será que confessamos JESUS como ele queria a ponto de sermos odiados ou somos convenientes? É JESUS nossa fonte de existência e inspiração ou mais um acessório que acrescentamos em nossas vidas?

                                  Que estas palavras não venham gerar apenas emoções vazias em seu coração, mas que façam tremer sua carne e seu espírito diante de Deus. Salvação não se recebe como uma fórmula mágica apenas por pedir para JESUS entrar em seu coração, ou por algumas palavras de confissão que fez. Salvação acontece a partir do arrependimento dos pecados e isso é um processo contínuo. Lembre-se a porta é estreita (encontro com JESUS) mas o caminho (relacionamento) também é. Não adianta você passar apenas pela porta é preciso está no caminho também.
                                     Conversão não é como uma vacina: "há sim eu fiz, eu me arrependi, eu cri!" a questão é você continua se arrependendo dos seus pecados? Você renuncia a si mesmo todos os dias? Você continua crendo? "Aquele que começou (porta) a boa obra em vocês a terminará" Lembre-se, por favor! Não só a porta é estreita, mas o caminho também.

                                     Não basta apenas conduzir as pessoas a Cristo e deixá-las vivendo igual ao mundo sem Cristo. Estamos diferentes do mundo sem Deus? Aborto, divórcio, formicação, corrupção, mentiras, hipocrisias, sensualidade e muitos mais nos fazem diferentes do mundo sem Deus? E queremos adorar a Deus como se nada tivesse acontecendo e dizendo tenho Cristo em meu coração. Como se isso fosse uma fórmula mágica.
                                     Sentamos-nos em frente a uma internet, nos entupimos de lixos pornográficos, nos expomos pela sensualidade com fotos que apelam ao prazer e depois vamos à igreja e queremos sentir o poder de Deus, receber vitória, vencer aos males do século 21 (depressão, pânico e outros mais.) Males que não tinham mesma força c/ nossos dias enfermidade que resulta de um espírito oprimido pelas angustias, mentiras e distanciamento de Deus. Utopia de um cristianismo de aparência, onde entramos em nossos quartos fechamos a porta e revelamos terrível natureza que está dentro de nós omitimos essas verdades em nossos púlpitos e as pessoas que estão na igreja imaginam-se salvas, pois não se vêem necessitadas de mudanças.

                                     Vamos à igreja saímos como se estivéssemos indo a um teatro ou show, com o mesmo coração e as mesmas práticas de antes. Aonde cumpre 2Co.5.17? Você sabe qual é o sinal para saber se és um cristão hoje? Você orou uma vez! "Jesus entra no meu coração! "será que só isso basta?
                                       A bíblia ensina: examinai a sim mesmo, provai a você mesmo, para saber se estais realmente na fé. Aquele que pratica o pecado não conhece a Deus. É preciso nascer de Deus, a bíblia diz que aquele que é nascido de Deus não peca (original não permanece pecando) e este o seu caso? Eu sei você vai me dizer: "mais a bíblia diz que é mentiroso aquele diz que não tem pecado" ter é o mesmo que haver há em nós esta enfermidade. Estar é estado e associa-se a uma característica momentânea, algo praticado e que pode ser mudado e isto é o que corresponde as nossas ações. Todos fomos gerados (ter ou temos) em iniqüidades, mas permacer no pecado (ação voluntaria) é diferente é ato voluntário, consciente.
                                     Quer ser impopular? Pregues aquilo que a multidão não quer ouvir, mas que precisa. Os amigos são aqueles que te dizem as maiores verdades. Desde que comecei a falar deste assunto NO TWITTER mais ou menos 20 pessoas pararam de me seguir.
                                      O mundo vos odiará por minha causa. Ninguém pode ser amigo da igreja se não for amigo de Deus. E ninguém pode ser amigo de Deus comprometido com o mundo ou a mentira. 1 Jo.2.15-17 a amizade do mundo constitui inimizade com Deus. Não estou aqui para ter fama mais para transmitir o evangelho e aqui não tenho seguidores, mas intercessores. Muitos esquecem que o que nos liberta é a verdade, enquanto escondem-se atrás de uma bíblia ou cartões se prendem a mentira. Suas convicções são fantasias, mentiras que foram treinados a acreditarem que por ser a salvação obra da graça basta esperar. É óbvio que não vem de obras para que ninguém se glorie, porém a nova vida e fruto de um novo nascimento 2C2.5.17 deve ser latente na vida do que nasceu de novo.

                                      Não se conhece um crente salvo pelo encontro que ele diz que teve com Cristo, mas pelos seus frutos. Mt.7.16 "Pelos frutos os conhecereis" o evangelho é transformação, não posso dizer que estou em Cristo se isto não for notório nos meus atos. Ninguém jamais chegou até Cristo e saiu de perto dele sem resposta.
                                   As pessoas precisam entender que a maior luta do inimigo hoje contra a igreja não é física e sim espiritual, ele não respeita anel de formatura, tempo de casa (igreja) e coisas deste tipo o que mais ele espera de nós é o ignorarmos. Paulo desperta: Não ignoreis os ardis de satanás.
                                      Quantos mais ficamos cheios de não me toque (não aceitar repreensões) escondidos na mentira, e catedráticos na palavra melhor é para ele. Chega de sairmos da igreja e dizermos: "Meu Deus hoje foi um mover” Durou? Permanece em sua vida a experiência? De fato estamos emocionados. Jesus declarou: "E eu vos  chamei e vos nomeei para que vades e dês frutos e o vosso fruto PERMANEÇA. PERMANEÇA FIRME E CONSTANTE, CRESCENDO.
                                       Precisamos atentar para uma vida que der frutos pois do contrário será arrancada e jogada no fogo. Ninguém engana aos olhos de Deus. Nem mesmo este cristianismo pós-moderno feito de adaptações, e conveniências. Não é historinha quando diz muitos são chamados (crentes), mas poucos escolhidos (crentes) este fato será duro e real. Muitos que hoje professam a fé infelizmente não participarão dos benefícios eternos dela, pois sua confissão é apenas de lábios, mas sem vida com Cristo.

                                       O mais importante não é conhecer  Jesus (teologia, profissão de fé) é Jesus te conhecer (relacionamento). Naquele dia Ele dirá não te conheço.
                                      Amados gostaria de honrar a Deus com esta palavra que ele colocou em meu coração nestes dois dias e adorara-lo pela vida de Paul Washer. Um corajoso pastor que ministrou toda essa mensagem para uma multidão de aproximadamente 5mil pessoas adaptei ao meu sermão.
Em Cristo Pr. Neemias Fagundes
Escritor, teólogo e professor IBE
Twitter: @neemiasfagundes  siga-me e receba diariamente mensagem como está.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meus blogs prediletos

Loading...